Coaching, qualidade de vida e bem-estar

Posted by | julho 06, 2015 | Artigos, Coaching de Emagrecimento | No Comments

Como alcançar qualidade de vida e bem-estar com os desafios encontrados em nosso cotidiano sem comprometer nossa saúde física e emocional? Este artigo apresenta como o Coaching colabora nesse esforço e auxilia, dentre outros, na mudança de comportamento necessário para alcançar o equilíbrio e resultados esperados.

Imagem: Divulgação

Imagem: Divulgação

Em um trabalho de Coaching Empresarial com uma equipe de vendas de uma multinacional solicitamos que cada integrante dessa equipe pensasse em três sonhos que tinham intenção de realizar ainda neste ano e que compartilhassem com o grupo pelo menos um deles. O que chamou atenção foi que aproximadamente 90% das respostas dadas por eles estavam relacionadas a busca pelo equilíbrio das áreas da vida, ou seja, conseguir obter resultados positivos no trabalho sem comprometer a saúde. Considerando esse contexto o grande desafio é: Como conseguir manter uma regularidade na atividade física e hábitos mais saudáveis de alimentação com a construção de resultados eficazes nas outras áreas como o trabalho, família e convívio social? Este questionamento pode ser considerado um desafio para mais da metade do grupo “entrevistado” e possivelmente grande parte da população.

Para detalhar melhor esse assunto apresento a definição dada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre saúde e qualidade de vida. A OMS definiu saúde como um estado de bem-estar físico, mental e social e não meramente a ausência de doença. Já Nuno Cobra , ex-preparador físico de Ayrton Senna, nos diz que saúde não é ausência de doença, e sim quando nos encontramos encantados com a vida. O grupo de qualidade de vida da OMS definiu qualidade de vida como a percepção do indivíduo de sua posição na vida no contexto da cultura e sistemas de valores nos quais ele vive e em relação aos seus objetivos, expectativas, padrões e preocupações. Abilio Diniz, empresário brasileiro e esportista, define a qualidade de vida como sendo a busca permanente pelo equilíbrio entre os diversos papéis e atividades que desempenhamos dia após dia. E para alcançar esse equilíbrio é necessário organizar esses papéis e as atividades. E porque é tão difícil mudar certos hábitos e manter esse equilíbrio na vida?

Na correria do dia a dia “ligamos” o automático das nossas ações e muitas vezes não nos damos conta do que estamos fazendo com o nosso tempo. Muitas são as distrações e desculpas. Permanecemos na nossa zona de conforto, mantendo os mesmo comportamentos de costume, não é fácil mudar os hábitos. A mudança dói e exige esforço e determinação. Organização, priorizar necessidades e ter disciplina são alguns fatores para viver uma vida com mais plenitude e felicidade.

Imagem: Divulgação

Imagem: Divulgação

De acordo com Abilio Diniz: “a técnica do esporte voltada não apenas para a competição, mas para uma melhor qualidade de vida. A nutrição, aliada ao esporte, à saúde e ao bem-estar. A administração do tempo e o estabelecimento de prioridades. O amor, a espiritualidade e a busca do autoconhecimento são coisas extremamente importantes para quem busca uma vida melhor”.

O Wellness Coaching é o processo de mudança de comportamento voltado à melhoria da qualidade de vida e bem-estar focado em ações estratégicas que geram resultados, aprendizagens e melhorias. Podemos entender Wellness como bem-estar e o processo de Coaching inicia-se com a visualização do seu estado atual, permitindo sair do “piloto automático” e aumentar o nível de autoconsciência. O segundo passo é estabelecer um ponto de chegada, fazer novas escolhas para assumir a parte que nos cabe no nosso destino e definir algumas metas nas áreas da vida dando inicio ao processo da busca pelo equilíbrio. Na sequência, estabelecer estratégias que levam as novas ações iniciando o processo de mudança de comportamento. Imagine se você dedicar-se nas suas ações e melhorar seus hábitos um pouquinho a cada dia, consequentemente todas essas mudanças, somadas ao final do período determinado, trarão resultados e aprendizagens surpreendentes, lembrando sempre da busca pela melhoria contínua.

A maior parte das atitudes que temos que tomar para melhorar o nosso estilo de vida dependem apenas de nós mesmos, da nossa vontade, decisão, organização, disciplina e ação. No início pode parecer que algumas decisões exigem um sacrifício muito grande, mas não é bem assim, estamos condicionados a certos comportamentos e podemos aprender a controlar melhor as rotinas e a fazer algumas coisas de forma diferente na busca de uma vida mais equilibrada, mais simples e prazerosa. Portanto, pare agora mesmo de dar desculpas, observe como está a sua vida e o que depende de você para mudar esse cenário.

Mais informações entre em contato conosco. Será um prazer conversar com você!

 

Fontes:

  • Revista de Saúde Pública. Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Vol.33. Nº 2 Abril 1999 p.198-205.
  • Cobra, Nuno, A Semente da Vitória. Editora Senac. SP, 2007.
  • Diniz, Abilio. Caminhos e Escolhas. O equilíbrio para uma vida mai feliz.Campus Editora. RJ, 2004.

About Grazi Paim

Grazi Paim é administradora, formada pela ESAG na Universidade do Estado de Santa Catarina, Coach de Excelência com especialização nos módulos: Coaching de Excelência, Executivo, Empresarial, Esporte e Competência Emocional pela Academia Emocional e também é integrante do time de coaches da Academia Emocional. Possui especialização em Gestão do Trabalho e Educação na Saúde pela Escola de Saúde Pública de Santa Catarina com experiência de aproximadamente dez anos em RH. Fundadora e Diretora Executiva da Grazi Paim Coaching.

Leave a Reply

Your email address will not be published.